FacebookInstagramVimeo
Alexandra Moura
BESTIÁRIO

A coleção Alexandra Moura para o próximo Outono/Inverno presta um tributo a Rosa Ramalho, Ceramista de Barcelos - Norte de Portugal.
As suas peças fazem Alexandra viajar por mundos e seres que viviam no imaginário da ceramista, mulher do campo, trabalhadora e com uma inteligência e sentido estético fora do seu tempo.
O encontro de contrastes entre a sua arte visionária e a sua vida simples é a matéria-prima para o desenvolvimento desta colecção.
Influências das vestes de trabalho no campo contrapõem o "fitting” de peças oversize/sportswear do hoje.
A inspiração em seres fantásticos, bestas e monstros, na vida rural de Rosa, fazem nascer detalhes, desenhos, misturas de materiais, sobreposições, paleta de cores e dizeres.
Os materiais presentes são o tule delicado, flanela de algodão, lã, bombazine, jersey metálico e denim estabelecendo assim uma ponte entre o clássico e o contemporâneo e entre o rural e o urbano.
A paleta de cores remete-nos para as obras de Rosa Ramalho, a base provém do barro misturada com tons escuros dos trajes da época bem como da cor dada às suas criaturas. Preto, azul navy, amarelo, tons terra e azul seco compõem a paleta.
Numa reinterpretação dos monstros de Rosa Ramalho, Alexandra intervém directamente em algumas peças manualmente.
Esta colecção representa a forma de ver a vida de ambas, a simplicidade na forma de criar e transmitir os seus pontos de vista através das suas obras, com traços e ADN’s tão característicos. É por isso que esta colecção é bem real e "Não é sonho nenhum” – Rosa Ramalho.