FacebookInstagramVimeo
JOÃO SOUSA > BELLAMIRA

Por vezes é complicado dizer às pessoas o quanto gostamos delas, principalmente quando essa pessoa é um familiar. Esta coleção é uma homenagem à minha avó Belmira, daí a analogia Bella (por crescer com ela e fantasiar todas as coisas belas da imaginação) e Mira (nome pelo qual a chamo). Esta é uma coleção que reflete todos os problemas na vida dela, o cancro da mama, por consequente a perda do peito esquerdo e a perda das pernas devido aos diabetes.

As manipulações das peças e as assimetrias simbolizam esses obstáculos, que aparecem quando menos esperamos. Escolhi materiais inspirados nos tecidos que a minha avó utilizava para fazer as roupas da minha mãe e as peças para a missa de domingo. Os brilhos e as formas representam a sua vaidade e pomposidade.

Esta coleção é representativa da luta entre o claro e o escuro, assente no mote "depois da chuva vem sempre o sol”. Se acreditarmos, todos os obstáculos podem ser vencidos e a vida pode voltar a brilhar!