FacebookTwitterInstagramVimeoPinterest
Next Step fomenta internacionalização de marcas “made in” Portugal
Next Step fomenta internacionalização de marcas “made in” Portugal
Londres, Paris, Milão e Nova Iorque são as quatro capitais do negócio da moda que integram o próximo roteiro internacional do Next Step. Este novo projeto da ANJE, que arrancou no final de 2015, pretende fomentar a internacionalização e exportação de criadores e marcas nacionais, com especial enfoque nos mais jovens.

Londres será a próxima capital internacional no mapa do projeto Next Step, já entre os dias 19 e 23 de fevereiro. Com a finalidade de apoiar a participação de Alexandra Moura, Carla Pontes, Daniela Barros e Susana Bettencourt no showroom instalado no Brewer Street Car Park, integrado na London Fashion Week, o foco desta abordagem inovadora concilia a exposição vocacionada para compradores internacionais com apresentações dirigidas à imprensa.

Após a capital inglesa, o calendário do Next Step ruma até Nova Iorque. A dupla Storytailors, os criadores Luís Buchinho e Katty Xiomara e as marcas Pé de Chumbo, TM Collection e Babash terão o apoio da ANJE para promover negócios durante o conceituado certame Edit, que acontece de 22 a 24 de fevereiro. A marca Iora Lingerie reforça a campanha lusa em território norte-americano, neste caso na feira Curve, que tem lugar de 21 a 23 de fevereiro.

De regresso às capitais europeias da moda, a passagem faz-se por Milão no programa de afirmação externa do Next Step. Entre 27 a 29 de fevereiro, os negócios nacionais de três designers (Pedro Pedro, Carlos Gil Miguel Vieira e Hugo Costa) estarão concentrados na feira White, parte integrante da Milano Moda Donna. De cariz vincadamente comercial esta ação do certame atrai em cada edição cerca de 20 mil buyers, representantes das mais prestigiadas marcas a nível mundial, e uma ampla cobertura mediática, com perto de mil jornalistas creditados.

O roteiro internacional de apresentação das coleções lusas outono-inverno 2016/2017, apoiado pelo Next Step, encerra em Paris, na Semana de Pronto-a-Vestir, mais especificamente na Tranoï Femme, que se realiza de 4 a 7 de março. Nesta ação que coloca em contacto buyers e criativos, jovens designers emergentes com marcas de renome, a finalidade centra-se no benefício que os participantes lusos possam extrair perante o acesso a um vasto número de players do universo da moda, e com eles possam estabelecer negócios, pontes, parcerias, ou simplesmente absorver novas técnicas e conhecimentos. Os criadores Carla Pontes, Diogo Miranda, Luís Buchinho e a marca Pé de Chumbo serão os participantes nacionais. 

Mentoring apoia profissionalização da moda nacional 

O Next Step arrancou no final de 2015 com a temporada de apresentações referentes ao próximo verão. Desde então, o programa complementar às ações de promoção no terreno evoluiu com o suporte de conceituados profissionais nacionais e estrangeiros, responsáveis por dar acompanhamento especializado aos designers. Um acompanhamento que é particularmente dirigido aos mais jovens e que envolve consultores especializados. Trata-se de um suporte à competitividade, que contempla apoio ativo e serviços nos mercados visitados, mas não deixa de apostar na formação de competências (de gestão, de networking, de expansão e internacionalização, de prospeção e força de vendas) com vista à conquista de recursos humanos, tecnológicos e até financeiros.  

De acordo com o presidente da ANJE, João Rafael Koehler, "O Next Step é um programa multidisciplinar de promoção internacional do "made in” Portugal, sendo a moda um setor de inclusão incontornável no seu calendário de ação. Mas a multidisciplinariedade deste projeto apenas veio reforçar aquela que era já uma convicção estratégica da ANJE no apoio aos projetos de moda: o acompanhamento de designers e marcas tem de operacionalizar-se não apenas pela via promocional mas também através da componente empreendedora”. 

O projeto Next Step tem como pressuposto a exiguidade do mercado interno e aposta nas marcas portuguesas através de um plano de ação que combina o fomento da internacionalização e das exportações com o acréscimo de valor. É um projeto de proximidade, assente nas necessidades das empresas envolvidas (empresas essas que estão associadas a cada criador e marca) e na capacidade de resposta das mesmas para uma presença ativa no mercado global. Sob a responsabilidade da ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários, conta com o apoio do Compete 2020 – Programa Operacional Competitividade e Internacionalização, no quadro do Portugal 2020.