FacebookTwitterInstagramVimeoPinterest
Portugal Fashion estreia-se na Semana de Moda Masculina de Paris
Portugal Fashion estreia-se na Semana de Moda Masculina de Paris

O Portugal Fashion prepara-se para o regresso à cidade luz naquela que será uma estreia além-fronteiras. Pela primeira vez o projeto vai integrar o programa de desfiles na Semana de Moda de Moda Masculina de Paris, com o designer Hugo Costa, concretizando assim o objetivo de expansão internacional e fazendo jus à crescente valorização do segmento da moda masculina. A apresentação em passerelle acontece no dia 24 de junho, no espaço Maison des Métallos. Esta será também uma estreia para o criador lançado pelo Portugal Fashion no âmbito da plataforma Bloom: Hugo Costa concretiza em Paris o seu primeiro desfile internacional em formato individual.

Consolidado o tema da coleção em torno do bushido – o rígido código de conduta associado à figura do samurai, Hugo Costa marca a sua estreia na fashion scene parisiense com coordenados que já pensam na estação quente do próximo ano. Depois de uma temporada profícua em apresentações em formato showroom, onde deu a conhecer a coleção Metamorphoses dedicada ao tema da mutação e da maturidade, o jovem designer volta a surpreender através da incorporação nas peças de "formas e aplicações modernas dos volumes e texturas usadas nas artes marciais japonesas”. Aliás, a inspiração para a coleção bebe dessa ancestralidade, tendo como ponto de partida a disciplina guerreira dos samurais, "facilmente percetível no vestuário e nos trajes utilizados”. Um simbolismo alicerçado numa "estética orgânica” e que adota "a funcionalidade ao serviço de um propósito, a honra”. O resultado é uma coleção que encerra um estilo de vida, "abrangendo as dimensões física, espiritual e moral, com foco no auto-aperfeiçoamento, realização e crescimento pessoal”.

Nova aposta vai ao encontro da estratégia de internacionalização do Portugal Fashion

Potenciadoras da visibilidade junto da imprensa especializada, de compradores e de muitas outras entidades dinamizadoras do setor, as semanas de moda internacionais são oportunidades privilegiadas para a projeção dos criadores, mas também de toda a fileira e do próprio país. Desta feita, empreende-se mais um passo em frente na escalada pela afirmação do projeto no competitivo continente europeu.

"O alargamento do roteiro internacional do Portugal Fashion, que chega agora à Semana de Moda Masculina de Paris, consubstancia num novo desafio a que nos propomos. Atentos à emergência deste segmento em franca ascensão na fashion industry, entendemos dar este sinal de expansão que se justifica não só pelos excelentes resultados que os criadores e marcas que apoiamos têm granjeado no setor menswear, mas também pela propensão do mercado global para acolher os jovens designers. De resto, Hugo Costa é um dos exemplos que personifica esta nova geração de criadores nacionais, cada vez mais focada no panorama internacional. Por isso, faz todo o sentido o Portugal Fashion acompanhar este caminho e alavancar esta nova etapa da sua carreira”, afirma João Rafael Koehler, presidente da ANJE – Associação Nacional de Jovens Empresários, entidade promotora do Portugal Fashion.

Uma aposta que assume agora novos contornos, dado que com o apoio do Portugal Fashion, as coleções do criador de São João da Madeira já brilharam em Madrid, numa apresentação coletiva Bloom em dezembro de 2012, e na Berlin Fashion Week, num desfile triplo ocorrido a julho de 2015. Complementarmente, Hugo Costa tem beneficiado do apoio dos programas desenvolvidos pela ANJE para apoiar a internacionalização e a comercialização das coleções, habitualmente apresentadas em formato showroom. Assim acaba de suceder em Londres, com a participação na London Collections Men, e também assim será em Paris: na Paris Fashion Week Menswear, a componente de imagem associada ao desfile beneficiará de uma ação de cariz comercial empreendida, em paralelo, através da presença em showroom.

O Portugal Fashion 2015-2017 - um projeto da responsabilidade da ANJE – Associação Nacional de Jovens Empresários, desenvolvido em parceria com a ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal – é financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 - Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, com fundos provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.