FacebookTwitterInstagramVimeoPinterest
Portugal Fashion inicia roteiro internacional em Milão com desfile de Miguel Vieira
Portugal Fashion inicia roteiro internacional em Milão com desfile de Miguel Vieira
O Portugal Fashion abriu a temporada internacional em 2019 com a primeira fashion-stop em Milão. Miguel Vieira foi o mestre de cerimónias que abriu as portas da cidade de onde se avistam os Alpes. 

Sábado, dia 12 de janeiro, na Via Tortona 54, às 17h30 locais, o criador que comemorou o 30º aniversário em 2018, fez a quinta participação consecutiva na Milano Moda Uomo, integrando o calendário oficial da Semana de Moda masculina, organizado pela Camera Nazionale della Moda Italiana.  

Veja as imagens do desfile de Miguel Vieira na Milano Moda Uomo.

Luz africana promete iluminar o inverno


Há uma luz mágica em África que transcende o Ser Humano. Há uma essência única. Há cheiros, memórias, sons, músicas e cores que são só, e apenas, daquele lugar. Daqueles lugares. Há em África a saudade deixada por todos aqueles que por lá passaram. Há a alegria dos que lá vivem e que fazem o continente vibrar.

Miguel Vieira decidiu celebrar o inverno em África, usando-o como inspiração para a sua coleção outono/inverno 2020. Uma visão global da moda e do estreitar fronteiras entre latitudes e longitudes. No inverno africano a chuva e o frio dão lugar a dias mais quentes e secos, onde o sol parece nunca desaparecer do horizonte. O homem Miguel Vieira celebra os dias sem fim.

"É o homem que tira a camisa e fica só com a (sua) pele. Onde a rigidez dá lugar à descontração e o outro lado da personalidade do homem Miguel Vieira surge em evidência. Para o homem Miguel Vieira vestir é uma forma de arte, bastando, para isso, apenas um fato”, explica o designer.

Os tecidos grossos e estruturados dão lugar a materiais mais leves e frescos, como que telas em branco onde se celebra a cultura e a inovação. Elementos geométricos surgem lembrando estampados étnicos, assentes no azul do céu e bege da areia, servindo de base a outras cores que, em conjunto, contam uma história. 

Miguel Vieira celebra um inverno passado em África "que tem como cenário as vibrantes cidades cosmopolitas, onde histórias e tradições são transpostas para o século XXI, renovando a liberdade de vestir do homem moderno”. O homem moderno que tem a saudade em África e os olhos no horizonte que, tal como os dias, parece não ter fim.  

Bege bronze, laranja ocre, amarelo caril, azul celeste, castanho tabaco e azul marinho. As cores eleitas por Miguel Vieira, num jogo que impõe uma silhueta justa mas informal, e com jogos de volume. Os materiais são a bombazina e o veludo, estampado e vinilizado; o pêlo, as lantejoulas estampadas e os tecidos acolchoados. 

Nos acessórios, Miguel Vieira opta pelas botas de montanha e sapatilhas bota-meia; sacos de compras, bolsas e cintos de pele; óculos e colares personalizados.

Depois de Milão, o Portugal Fashion seguiu para outra paragem internacional. Paris, cidade-luz e um dos berços do amor, é a segunda fashion-stop do projeto de moda nacional. 

Hugo Costa abriu as portas do 43 Rue de Notre Dame de Nazareth dia 16 de janeiro, das 17h às 19h30 (locais), para apresentar a sua coleção "MAYBE WE’LL BE TOGETHER AGAIN”.   

O Portugal Fashion - um projeto da responsabilidade da ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários, desenvolvido em parceria com a ATP - Associação Têxtil e Vestuário de Portugal - é financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 - Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, com fundos provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.